Aconselhamento da Deusa Coatlicue

hoje a deusa Coatlicue, que nos traz uma mensagem de que não existe modo de fugir da dor, nem lutar contra ela e nem lugar para se esconder dela. A vida é perda, e perda faz parte da vida. E mesmo a dor, se encarada plenamente, finalmente diminuirá de intensidade. Precisa sentir a dor para que a cura total possa vir. 
Namastê
deusa Coatlicue

Mitologia: 
Coatlicue, ou Saia de Serpente, é a mãe de todas as divindades astecas. Ela recebeu esse nome porque usa uma saia de cascavéis que balançam. É adorada como a mãe da Terra, da vida e da morte. Certo dia ela encontrou plumas com penugem branca e, colocando-as sobre o peito, ficou grávida. Quando os outros deuses, seus filhos, descobriram a gravidez, juraram matá-la para impedir que o recém-nascido os suplantasse. Apenas sua amada filha, Coyolxauhqul, a Deusa da Lua, avisou-a do perigo. Coyolxauhqul foi decapitada pelo Deus do Sol, e Coatlicue, de luto, colocou a cabeça luminosa da filha no céu.